Quinta-feira, 7 de Outubro de 2010
Zé Manel
Deixem-me falar-vos de Zé Manel. Zé Manel é uma espécie de gigolo frustrado. Ele não sabe que é gigolo, não sabe que é frustrado e esquece-se de levar dinheiro pelo que faz. É quase um traste na indústria da Gigolodice. Estamos a falar de um homem com pouco mais de um metro e meio, dentes caninos afiados, manga cava e espada de samurai em riste. Não tem bigode nem fio ao pescoço mas quando esbarramos na sua inchada figura pequena, achamos que sim. Zé Manel anda sempre bronzeado, peito feito e bem disposto. Adopta carinhosamente as piadas dos amigos para impressionar miúdas. Promete-lhes amor do verdadeiro, elas prometem ir para a cama com ele. E vão. Em vão. Zé Manel prefere as raparigas de pouca idade, um pouco perdidas. Que esperem muito mesmo que não recebam nada. Que não conheçam os amigos para lhe acharem piada. Que escrevam com XX e KKK e bxxuss foffuuss para não se esforçar muito. São muitas raparigas, não há tempo a perder com dissertações literárias de alto gabarito. Prefere-as com duas mãozinhas para as festas no enorme ego e sonante pénis. Tem uma namorada. Espantem-se! Zé Manel tem uma namorada que é uma mulher feita. Mas conhece os amigos dele e tem graça com piadas dela. E isso chateia um homem. Um homem como Zé Manel. Este caro amigo de que vos falo gosta da namorada que tem. Gosta muito da casa dela, onde vive sem pagar. É um t3 espaçoso com computador para falar no messenger. E tem cerveja e Sport Tv. E playstation e vizinhos que jogam playstation. Zé Manel é um tipo modesto que não quer muito mais da vida. Talvez o nome escrito em todos os placards na cidade, talvez um paparazzi à perna e umas raparigas que não lhe batam à porta. Da casa da namorada. Nem isso precisam de fazer, as sortudas. Ele vai atrás. Zé Manel é um gigolo frustrado. Tem sorte com miudas e raparigas. Mas não tem sorte com mulheres. Ainda há pouco tempo se apaixonou por uma. A Natasha. E ele que gostava tanto de escrever nataxa, com x, às vezes mais do que um x. Russa de nacionalidade, tímida de perfil, suculenta de perna aberta. Esta última parte acontecia apenas na imaginação de Zé Manel que, por muito que se esforçasse em verborreia, às vezes quente, às vezes desesperada, não conseguia levar Natasha a polir a sua viril espada de samurai. Ela era das que queria ir devagar. Zé Manel que não faz mal, Zé Manel que esperava, Zé Manel que gostava dela mesmo assim. Zé Manel que a embebedou e lhe subiu as saias no banco de trás do taxi-para-a-Estrela-por-favor. Natasha estava rendida fisicamente. Intusmecida literalmente e por todos os lados. E foi nessa altura que Zé Manel percebeu que não tinha sorte nenhuma com mulheres. Nem com mulheres daquelas. Natasha exibia um pénis maior do que o de Zé Manel. E foi mais isso que o fodeu.
(Escrito a 15 de Julho de 2010. Recuperado hoje, porque me apetece.)


publicado por Menina da Rádio às 23:50
link do post | comentar | partilhar

15 comentários:
De Sissi a 8 de Outubro de 2010 às 02:24
És o meu orgulho, minha Lolita!


De umavidaempapel a 8 de Outubro de 2010 às 13:25
Adorei, adorei!
Continua ;)
Beijo


De Salvador a 8 de Outubro de 2010 às 17:18
rsrsrrsr .

Fez-me lembrar uma situação muita divertida a que assisti nos meus tempos de militar.
Estava eu mais uns camaradas à porta de armas da Academia Militar (junto à Estefânia), quando entra a correr e a gritar aquilo que à primeira vista pareceu ser uma Mulher. 'Ajudem-me, ele quer matar-me'. Nisto apareceu o fulano, que por acaso e azar o dele, era funcionário da casa. A situação lá acalmou, e chegamos à conclusão que lhe aconteceu o mesmo que ao Zé Manel . Ela era um Ele, ele ficou desgraçado e foi de tal forma gozado que acabou por se despedir... rsrsr


De Menina da Rádio a 8 de Outubro de 2010 às 19:12
Adorava assistir a uma cena dessas.


De amulhercerta a 8 de Outubro de 2010 às 17:51
O meu Zé não é Manel e não faz figuras dessas mas conheço um Filipe que podia ser Zé Manel.


De Menina da Rádio a 8 de Outubro de 2010 às 19:12
Eu conheço vários. Isto não foi inspirado nem num Zé, nem num Zé Manel. Mas gosto do nome. É português.


De S* a 9 de Outubro de 2010 às 15:50
Grande azar o dele.


De B, a 9 de Outubro de 2010 às 23:57
Gostei disto...mas acho que já sabias que isso iria acontecer. Conheço um Zé Manel assim, mas até se sai bem, acha ele.


De Manolo a 10 de Outubro de 2010 às 14:27
IMPERDÍVEL :-)


De ze manel a 13 de Fevereiro de 2011 às 22:40
ES GAY, DAS O CU, MAMAS NO GROSSO


De Tiago a 12 de Outubro de 2010 às 12:40
LOOOL

Lindo, o verdadeiro macho latino Português :)


De Zé Manel a 13 de Fevereiro de 2011 às 22:38
otários


De ze manel a 13 de Fevereiro de 2011 às 22:39
AYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYSGAYS


De Ana a 27 de Julho de 2016 às 09:18
Quanta M A L D A D E!!!!! Triste mundo em que estamos!


De Anónimo a 18 de Fevereiro de 2017 às 14:59
ABSOLUTAMENTE DESPREZIVEIS ESTES COMENTARIOS.
QUANTAS PESSOAS FEIAS NESTE MUNDO LINDO.



Comentar post

Pesquisar
 
Posts recentes

Barrigada de sushi

The Printed Blog Portugal

Símbolos

Antes que seja tarde...

Se Conduzir, Não Escreva

Isto é só para dizer que ...

Do Fastio

Sei que sou muito feminin...

Lições básicas para o hom...

Pobres mas Bem Vestidos

Mais comentados
15 comentários
11 comentários
Arquivo

Agosto 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Tags

todas as tags

blogs SAPO
Subscrever